48. Será necessário ser cristão para ser salvo?

Image by John Hain from Pixabay

Relendo sem cessar o Evangelho, a Igreja afirma que Deus promete a vida eterna junto d’Ele na alegria a todo Homem de boa-vontade (1). E acontece que se chega mesmo a acolher Jesus sem O conhecer. São palavras do próprio Senhor quando fala do último julgamento: “Vinde, benditos de Meu Pai, recebei em herança o Reino… Porque tive fome e deste-Me de comer… era peregrino e recolheste-Me, estava nu e deste-Me de vestir… Em verdade vos digo: Sempre que fizeste isto a um destes Meus irmãos mais pequeninos foi a Mim mesmo que o fizeste(Mt 25,31-45).

Leggi questa nostra richiesta di aiuto...
SOSTIENI GLI AMICI DI LAZZARO E QUESTO SITO.
Abbiamo davvero bisogno di te!
IBAN (BancoPosta intestato ad Amici di Lazzaro)
IT98P 07601 01000 0000 27608 157
PAYPAL Clicca qui (PayPal)
SATISPAY Clicca qui (Satispay)

Por isso, todo Homem que procura fazer o bem e abre o seu coração às necessidades dos outros, é Jesus, Filho de Deus, que acolhe e é salvo.
Significa que é inútil nós nos batizarmos? Claro que não. Aquele que pode conhecer o Evangelho e compreender quem é Jesus não deve negligenciar nada para acolher, acreditar e “se fazer batizar em Nome do Pai, do Filho e do Espírito Santo(Mt 28). Pois, “aquele que acreditar e for batizado será salvo, mas quem não acreditar será condenado(Mc 16,16).
Levar o Evangelho a sério é aceitar o batismo e o compromisso de seguir a Cristo.

Batizar-se é acolher a luz de Deus para nos tornarmos seus filhos. Jesus é “a luz que ilumina todo Homem vindo ao mundo… Veio ao que era Seu e os Seus não O receberam. Mas a todos os que O receberam, aos que crêem n’Ele, deu-lhes o poder de se tornarem filhos de Deus(Jo 2,9-12).

Batizar-se é receber o perdão de Deus na morte de Jesus por todos nós na Cruz. Perdão que não só nos purifica, mas também nos dá a “graça”, isto é, a força para amar e fazer o bem.

SOSTIENI QUESTO SITO. DONA ORA con PayPal, Bancomat o Carta di credito

   

O batismo introduz-nos na comunidade de todos os que escolheram e escolherão Cristo: a Igreja.

(1) Assim não nos arriscamos a estar sozinhos com Deus no Céu, mas de encontrar todos os Homens de boa-vontade e é o que chamamos “a comunhão dos Santos”.

SOSTIENI INIZIATIVE MISSIONARIE!
Con il tuo 5 per 1000 è semplice ed utilissimo.
Sul tuo 730, modello Unico, scrivi 97610280014

42. Se Deus é bom por que o sofrimento?

Bento XVI respondeu a uma carta de um seminário da Arquidiocese de Czestochowa